Como diminuir a pegada de carbono da minha empresa?

O planeta não dorme e toda a atividade humana acaba por causar impacto no ambiente. A indústria, a circulação diária de veículos, a queima de combustíveis fosseis e outras atividades contribuem para a emissão de gases. Milhares de empresas de vários setores de atividade detêm frotas que circulam diariamente e contribuem para a emissão de gases na sua atividade diária. Todas estas ações acabam por contribuir para a pegada de carbono.

Todos os recursos que uma empresa utiliza diariamente produzem dióxido de carbono, um dos gases responsáveis pelas alterações climáticas do planeta Terra. Nesse contexto, também está presente a pegada de carbono que corresponde ao impacto que toda a atividade humana tem no planeta, no que diz respeito às emissões de efeito de estufa. Por sua vez, a emissão de todos estes gases poluentes, acaba por contribuir também para o aquecimento global, o que acaba por prejudicar a qualidade de vida de todos.

Em resposta à ameaça das alterações climáticas, torna-se imprescindível por parte das organizações uma maior preocupação pela sustentabilidade. Assim, é muito importante que as empresas e outras indústrias estejam empenhadas em diminuir a sua pegada de carbono e a contribuir para criar uma pegada ecológica. Seja qual for o sector de atividade da sua empresa são vários os métodos que é possível adotar para avaliar a sua pegada de carbono. Para além disso, cada vez mais os consumidores procuram empresas que apostem continuamente em minimizar os danos ambientais e que investem em alternativas para reduzir as emissões de gases. Tornando o ar e um ambiente muito mais limpo e feliz!

Nesse sentido, se pretende diminuir a pegada de carbono da sua empresa é essencial saber o que ela representa e para que serve. Continue a ler este artigo e descubra também como pode avaliar a pegada ecológica.

O que é a pegada de carbono?

A pegada de carbono é uma metodologia utilizada para medir as emissões de carbono que são emitidas para a atmosfera pelas pessoas, pelas empresas, governo, entre outros. Nesse leque são incluídas várias atividades rotineiras que acabam por gerar emissões significativas e contribuir para a sua propagação. Se todas as cidades do mundo, se todas as empresas realizarem atividades muito semelhantes, estas acabam por gerar uma quantidade enorme de gases. Por sua vez, estes gases podem ser convertidos em elementos como o dióxido de carbono ou apenas carbono, que ao recorrer à sua medição obtemos a pegada de carbono corresponde a essas atividades realizadas individualmente.

Do mesmo modo, também faz parte a pegada ecológica que é medida através da quantidade de terra necessária para suportar todas as nossas atividades e o estilo de vida humano. Desta forma, através destes indicadores é possível avaliar e analisar os impactos que estas atividades podem ter na atmosfera recorrentes do lançamento de gases provocado a partir de um produto, processo ou serviço de uma determinada empresa. Todas as ações que as empresas possam ter acabam por ter um impacto muito forte no nosso planeta. Por menor que ele seja, qualquer atividade da sua empresa certamente irá causar impacto no meio ambiente e é essencial uma definição bem clara de como reduzir a pegada de carbono no seu negócio. Cuidar do planeta, começa por todos!

Quais os tipos de normas e protolocos que a minha empresa deve seguir?

A preocupação central das organizações pretende-se sobretudo na monotorização e comunicação das emissões gases com efeito de estufa com o propósito de gerir melhor a pegada de carbono. Assim, recorrem a normas e protocolos como:

  1. PAS 2050: permite avaliar e medir o impacto da emissão dos gases poluentes de todas as atividades, produtos e serviços de qualquer empresa. A implementação desta norma é muito importante pois gere as emissões de gases com efeito de estufa de fábricas e fornecedores, potenciando uma redução no seu futuro;

  2. ISO 14064: esta norma internacional oferece ferramentas que permitem a implementação de programas de redução das emissões com o objetivo de serem implementadas nas empresas. É essencial a certificação neste tipo de normas, uma vez que, cria mais valor e credibilidade à empresa. Para além disso, ajudará ainda numa atuação ambiental responsável e num compromisso com a sociedade;

  3. ISO 14067: através desta norma qualquer empresa mostra o seu compromisso na redução do impacto de todas as suas atividades para com o meio ambiente, tendo em conta uma análise atenta da pegada de carbono;

  4. GHG Protocol: este protocolo é muito utilizado na criação de inventários de gases de efeitos de estufa. O seu propósito principal é a avaliação e análise das emissões de gases nas empresas e é compativel com as normas ISO;

Todas estas normas e protocolos adotados são uma mais valia para a sua empresa pois o grande passo será chegar a um nível de pegada de carbono igual a zero. Por outras palavras, corresponde à uma possível implementação de soluções que compensem por completo as emissões de dióxido de carbono.

Otimize os seus itinerários

Se a sua empresa detém um número considerável de veículos e se o seu objetivo é minimizar a pegada de carbono, nada melhor do que otimizar as rotas de toda a frota. Para além de estar a contribuir para a economia da sua própria empresa, irá reduzir o consumo de combustível, poupar algum tempo e diminuir nas despesas de combustível.

Um planeamento cuidado de todas as rotas será sem dúvida fundamental, pois facilitará imenso todo o trabalho dos colaboradores, gerando mais produtividade, mas mais importante que isso está a tornar a sua empresa mais amiga do ambiente. Só trará vantagens para o nosso planeta e também para o seu negócio!

Evite viagens de negócios

As viagens de negócios podem revelar-se um aspeto muito importante, principalmente quando se trata de compromissos inadiáveis. No entanto, seja qual for o meio por onde viaja como avião, carro ou comboio, estes acabam por ser os que emitem maior quantidade de gases com efeito de estufa. Uma medida que poderá recorrer é ajudar na redução da emissão desses mesmos gases e despesas relacionadas com deslocações. Assim, estará a pensar no meio ambiente e a ter um impacto positivo nas empresas.

Para além disso, as empresas devem incentivar os seus funcionários a optar por altenativas mais ecológicas na deslocação até ao seu local de trabalho, caso seja possivel! Caso recorra ao avião, o ideal mesmo era não viajar e permitir que os funcionários trabalhem a partir de casa! Mas só se for possível essa atuação! Deste modo, as empresas devem repensar e analisar bem todas as suas políticas de viagens de negócios e determinar se todas as ações são necessárias!

Zero desperdício

A implementação do zero desperdício é uma ação que pode ser essencial na ajuda da criação de uma pegada ecológica na sua empresa. Esta política é muito importante, pois avalia a situação atual da empresa, tendo em conta a gestão e eliminação dos seus resíduos. Assim, deve-se identificar toda a quantidade de resíduos produzidos e qual o seu destino. Depois dessa análise é importante a definição de metas e estratégias de redução de resíduos e foco no esforço da reutilização e da reciclagem.

Para além disso, outras formas de desperdício zero podem começar pela redução do uso do papel e a reutilização de certos materiais como equipamentos eletrónicos antigos e móveis de escritório.

Uso de fontes de energia renováveis

As fontes de energia renováveis tornaram-se num elemento dominante. Desta forma, as empresas devem ter em especial atenção a redução do seu consumo de energia apostando em fontes de energia renováveis. Esta alternativa trará benefícios a nível ambiental, criando para a própria empresa uma vantagem competitiva em relação às melhores práticas a adotar.

Apesar do investimento inicial, o uso destas fontes como a energia solar trará às empresas mais valias a longo prazo. As empresas conseguem economizar dinheiro através da instalação de paineis solares, potenciando todo o fornecimento de energia, limpa e sustentável. Esta alternativa é a ideal para diminuir a pegada de carbono da sua empresa.

Melhorar o estilo de condução

Os colaboradores que diariamente viajam com os veiculos da frota são o elemento essencial para minimizar o consumo de combustível e diminuir a pegada de carbono da sua empresa. Praticar uma condução adequada será uma mais valia pois evita o desperdício de combustível e pode reduzir as emissões de dióxido de carbono. Para além disso, pode marcar a pegada ecológica da sua empresa recorrendo à utilização de um cartão de combustível que permite um controlo eficaz do uso e custos em combustível.

Ao controlar os custos em combustível, as empresas poderão adotar alternativas que permitem uma condução ecológica. Nesse sentido, é possível reduzir o consumo de combustível, criar hábitos de condução mais amigos do meio ambiente e reduzir visivelmente a emissão de gases com efeito de estufa.

Monotorização do consumo de combustível

Atualmente, as empresas procuram ser altamente sustentáveis e o seu principal foco deverá ser minimizar ao máximo as emissões de dióxido de carbono. Desta forma, torna-se essencial que as empresas efetuem relatórios de análise sobre as emissões de gases e os cartões de combustível. Assim, perante estes elementos as empresas conseguirão facilmente calcular as emissões e estabelecer soluções e objetivos para reduzir as emissões e alterar o que for necessário, garantindo um desempenho eficaz e mais ecológico das empresas.

Consciencialização e sensibilização dos colaboradores

Todas as alternativas apresentadas podem ser praticáveis, mas mais importante é criar uma consciência ambiental em toda a força de trabalho. Nesse sentido, as empresas devem educar a sua equipa pela responsabilidade que cada membro tem no seu contexto organizacional como ambiental. Desta forma, ao sensibilizar estes individuos será possível alterar hábitos, criando atitudes positivas e incentivar a implementação de políticas ecologicamente inteligentes.

As mudanças climáticas acabam por afetar todo o mundo. Por isso, nada melhor do que tornar a sua empresa ainda mais sustentável e com práticas amigas do ambiente. Contudo, trata-se não só de responsabilidade social, mas de conseguir criar vantagens para o seu negócio e uma vantagem competitiva. No entanto, para além de pensar na sua empresa é essencial não esquecer os consumidores, pois a maioria recorre a produtos e serviços que sejam ecologicamente responsáveis.

Assim, uma empresa que detenha uma baixa pegada de carbono conseguirá ter uma gestão eficiente de todos os seus recursos. Tudo isto revelar-se-á uma mais valia para o meio ambiente, economia e sociedade. Por isso, aposte em soluções ecológicas e ao mesmo tempo económicas para a sua empresa e estará a proteger-se a si, ao seu negócio e todo o planeta!

European Diesel Card Limited, Trading Address: Unit 1, Floor 1-4, Chalfont Square, Old Foundry Road, Ipswich, IP4 2A, United Kingdom
Lang - pt-pt
Lang substr - pt